Sobre nós

INSTITUCIONAL

A Empresa Municipal de Água e Saneamento (EMASA) foi criada em 2005 pela Lei Municipal nº 2498, como entidade autárquica municipal, que atua na prestação de serviços públicos relativos ao saneamento básico e infraestrutura. 

Sua responsabilidade é fornecer água tratada, coletar e tratar esgotos sanitários, promovendo saúde, qualidade de vida e desenvolvimento sustentável, contribuindo com a vida da população e do meio ambiente.


MISSÃO

“Oferecer de maneira ética e com responsabilidade social, saneamento de excelente qualidade, contribuindo para o bem-estar do ser humano.”

VISÃO

“Ser uma empresa referência, ética e transparente, comprometida com o meio ambiente e com os seus usuários.”

VALORES

  • Comprometida com seus usuários;
  • Ética e responsável na sua atuação;
  • Transparência com seu consumidor;
  • Socialmente correta;
  • Sustentável.

História

A história do abastecimento de água de Balneário Camboriú se confunde com a própria história do município. Até a década de 1950, as residências e pontos comerciais tinham como única fonte de abastecimento de água doce, precários poços artesianos. A água, muitas vezes, era inclusive imprópria para o consumo humano. Nesta época, o empresário Miguel Matte, proprietário do Hotel Balneário Camboriú, teve autorização da prefeitura para a construção de um poço semi-artesiano. Através de um bombeamento, conduzia a água para um reservatório de 35 mil litros no Morro da Caixa d´água, local onde hoje abriga o prédio da prefeitura de Balneário Camboriú. A rede abastecia algumas casas, além do próprio Hotel Balneário Camboriú.

Mais tarde, Miguel Matte, com outros empresários, criou a empresa “Águas Cristalinas Matte Ltda”, ampliando assim sua pequena rede de abastecimento. Nesse mesmo tempo, surge a Empresa privada Águas Camboriú, que abastecia a parte norte da cidade, região compreendida hoje entre a Avenida Central e o Hotel Marambaia. Na década de 1960, após a emancipação político-administrativa, a Prefeitura de Balneário Camboriú adquiriu as empresas e criou o Departamento de Águas e Esgotos, executando diversas melhorias nos sistemas, entre elas, a captação de água no Rio Camboriú, a qual aduzia água para o sistema existente. Logo após, na década de 1970, a Prefeitura firma convênio com a Companhia Catarinense de Águas e Saneamento (CASAN), que passa a administrar por 30 anos os serviços de água e esgoto de Balneário Camboriú.

Em setembro de 2005 a Câmara de Vereadores aprova a Lei de criação da Empresa Municipal de Água e Saneamento (EMASA), sancionada e publicada em 31 de outubro do mesmo ano, data oficial de sua criação (LEI Nº 2498, de 31 de Outubro de 2005) – e o Governo Municipal reassume o sistema de água e esgoto do município, com o objetivo de reinvestir em obras toda arrecadação da Autarquia.